Passo a Passo da Shantala: Faça essa massagem relaxante em seu bebê

A massagem milenar fortalece o vínculo do cuidador com o bebê, além de ajudá-lo a relaxar e dormir melhor.

Passo a Passo da Shantala: Faça essa massagem relaxante em seu bebê

A Shantala nasceu na Índia e espalha bem-estar por todo o mundo. Desde 1993, com o lançamento da linha Mamãe e Bebê, a Natura acredita nessa massagem como forma de fortalecer os vínculos. Os pequenos que recebem esse cuidado dormem e respiram melhor e têm a relação fortalecida com a pessoa que a realiza. Além disso, os movimentos realizados na região abdominal do bebê são capazes de facilitar a eliminação de gases e reduzir as desagradáveis cólicas, tão comuns nos primeiros meses de vida da criança.

Leia também:


A técnica é antiga. Foi conhecida na Índia e divulgada ao mundo pelo obstetra francês Frédérick Leboyer ainda nos anos de 1970. Até hoje é considerada uma terapia que traz bem-estar tanto para quem recebe a massagem quanto para quem faz. 

Diversos estudos também relatam outros benefícios da Shantala, tais como o fortalecimento do sistema imunológico, a melhora da digestão e o estímulo aos sistemas linfático e circulatório. Há quem diga até que a massagem facilita a amamentação, alivia o estresse e ainda ativa a produção de endorfinas, que são neurotransmissores responsáveis pelas sensações de alegria e bem-estar. 

A Natura preparou algumas dicas para que o seu ritual seja bem prazeroso.

Preparação

- Reserve uma hora para realizar o ritual sem pressa. Assim, você irá curtir cada movimento, sem ansiedade.

- Não faça a massagem logo após amamentar. O bebê deve estar há pelo menos uma hora sem mamar.

- Se estiver frio, aqueça o ambiente onde a Shantala será realizada.

- Cubra o chão onde você irá se sentar com um colchonete (tipo de ginástica) ou um edredom. Como a posição (pernas esticadas e coluna ereta) pode não ser muito cômoda, use almofadas nas costas como apoio.

- Use roupas confortáveis.

- Tire anéis e pulseiras e lave bem as mãos.

- Deixe um frasco de óleo vegetal à mão. Que tal o Óleo de Massagem no Bebê, de Mamãe e Bebê?

- Separe duas fraldas de pano.

Início

- Acomode-se na posição da forma mais confortável possível.

- Apoie o bebê nas suas pernas, de frente para você, para que possam se olhar nos olhos, em silêncio.

- Passe o óleo nas mãos e esfregue-as para aquecê-las.

- Inicie os movimentos, conservando sempre o mesmo ritmo, do começo ao fim da massagem. Acentue apenas a pressão de forma natural, sem força.

Peito

- Com as mãos espalmadas no centro do peito, deslize-as simultaneamente em direção às axilas. 

- Repita o movimento, em direção aos ombros. É como se estivesse com um livro aberto à sua frente, fazendo o movimento para deixar as páginas bem achatadas.

- Depois, deslize a mão esquerda cruzando o corpo do bebê desde o quadril direito até o ombro esquerdo dele (que estará à sua direita). Repita o movimento com a outra mão e alterne-as, formando um x imaginário. As mãos trabalham uma após a outra, como se fossem ondas. 

Braços

- Vire o bebê de lado e, com uma das mãos, segure delicadamente a mãozinha dele. Com a outra mão, envolva o ombro e deslize, envolvendo o bracinho em direção ao punho, como um bracelete. Ao fim do movimento, as suas duas mãos se encontram segurando a mãozinha da criança. 

- Depois, faça movimentos de rosca com as duas mãos, movendo uma no sentido oposto da outra, do ombro ao punho, como se torcessem o bracinho (sem força, claro). Repita o movimento e capriche na região do punho.

- Vire o bebê e repita do outro lado.

Mãos

- Massageie uma mãozinha por vez com seus polegares, da palma em direção aos dedos. Depois, deslize a palma de sua mão sobre a do seu filho.

Barriga

- Com o bebê novamente posicionado com a barriguinha para cima, deslize as mãos alternadamente por toda a barriga, desde a base do peito, onde se iniciam as costelas, até a parte baixa da barriga, pressionando delicadamente, como se fosse esvaziá-la.

- Com uma das mãos, segure as perninhas do bebê juntas para cima e use o antebraço para massagear a barriga do bebê de cima para baixo. 

Pernas

- Repita nas perninhas os mesmos movimentos da massagem feita nos braços. Das coxas em direção aos pés, deslize as mãos alternadamente, fechadas como um bracelete.

- Faça o movimento de rosca com as duas mãos em sentidos opostos, sempre circundando a perna da criança como uma torção, começando na coxa e terminando no pé. Persista na região do tornozelo e calcanhar.

- Repita os movimentos na outra perna.

Pés

- Com os polegares, massageie um pé do bebê por vez, do calcanhar em direção aos dedos, e depois com a palma inteira da mão. 

- Faça uma leve pressão na ponta de cada dedo, do dedão para o mindinho.

Costas

- Essa região é especial. Vale a pena demorar aqui. Vire o bebê de bruços com a cabeça voltada para o seu lado esquerdo, em transversal com as suas pernas. 

- Deslize as palmas das mãos pelas costas do bebê, em movimentos para cima e para baixo, dos ombros ao bumbum. Ou seja, suas mãos, enquanto sobem e descem alternadamente, vão se deslocando para a direita, indo e voltando três vezes.

- Com a mão direita, espalme as nádegas enquanto a outra mão percorre as costas, da nuca ao bumbum, em movimentos da direita para a esquerda, massageando dos rins às omoplatas. Quanto mais lento e contínuo for o movimento, mais profundo será o efeito.

- Agora, segure os calcanhares do bebê enquanto a mão esquerda estende o movimento da nuca aos pés.

Rosto

- De volta à posição inicial (de barriga para cima), massageie a fronte. Faça movimentos com os dedos indicadores e médios em forma de meia-lua. Primeiro, partindo do meio da testa, contorne as sobrancelhas e circule os olhos, retornando ao meio. A cada viagem, seus dedos afastam-se um pouco mais dos olhos do bebê, deslizando até as bochechas e depois até o queixo.

- Com os polegares, percorra bem de leve as laterais do nariz, desde a testa até os cantos da boca, de cima para baixo e de baixo para cima.

- Passe levemente os polegares sobre os olhos do bebê, da testa até o queixo, passando pelas linhas externas do nariz. Se os olhos do bebê estiverem abertos, o movimento deverá fechá-los com delicadeza.

Exercícios

- Segure as mãos do bebê e cruze seus bracinhos alternadamente sobre o peito dele. Depois, torne a abri-los e volte à posição inicial.

- Segure um dos pés do bebê e a mão do lado oposto, cruzando os dois. O pé sobe em direção ao ombro oposto e a mão desce em direção ao bumbum. Repita alternando os lados.

- Segure os dois pés do bebê, cruzando as perninhas em posição de lótus e leve-as em direção à barriga. Depois, ao contrário, estenda e separe as pernas. Repita alternando as pernas. Sempre com sensibilidade, delicadeza e vigor.

Banho

- Termine o relaxamento com um banho de imersão, na banheira ou no balde. Garanta a segurança apoiando seu antebraço por baixo do ombro e pescoço do bebê e segurando-o pelas axilas. Deixe-o flutuar.




Compartilhe essa Postagem:



Postar um comentário